quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Nossos Clientes e Parceiros de 2013 - agradecemos de coração o prestígio e confiança em nosso trabalho. Sem o seu apoio, os profissionais do nosso país seriam menos felizes. MUITO OBRIGADO FAMÍLIA-GENTILEZA.


Artigo do Sr. Gentileza - O PROFISSIONAL DO FUTURO.

“O homem do futuro é o homem gentil”, palavras do sábio José Datrino ¹, que nos remetem a uma realidade cruel: quando esse homem gentil chegará; será se um dia estará entre nós? Queremos mudanças o tempo inteiro e, principalmente, que os outros promovam isso. É muito mais cômodo esperar de braços cruzados do que tomar a iniciativa e transformar qualquer coisa que seja.
Desejamos empresas mais humanas, justas e que ofereçam um ótimo ambiente para se trabalhar. Precisamos que nossos colegas e líderes estejam prontos a nos escutar, nos desculpar, nos incentivar e nos deixar livres para produzir de acordo com nosso roteiro. “- Queremos profissionais capazes de se relacionar com outras pessoas”. Esse é o discurso de praticamente todos os Gerentes de Recursos Humanos dessa geração. E o tal do “homem gentil” que dizia Datrino? Cadê ele? Em qual período será esse “futuro”?
Essas respostas já existem e as deixo bem claras nas palestras que realizo por todo o Brasil. Faço questão de conscientizar profissionais de todas as áreas que a gentileza no trabalho é uma ferramenta indispensável para o sucesso e que não podemos mais abrir mão dela, já que, o futuro já chegou e nós já somos aquele “homem gentil”. Porém, por vários motivos óbvios e profissionais, praticar a gentileza não está entre nossas principais prioridades e acabamos hostilizando as pessoas ao nosso redor.
Trata-se de atos impensados que quando nos damos conta, “pimba”, fomos grosseiros e deixamos de lado as “pilastras” básicas que sustentam a gentileza no dia a dia profissional. Essas “pilastras” ou “pilares” podem ser considerados como valores que aprendemos com nossos pais, pessoas importantes ou, simplesmente, com as experiências vividas. Citando alguns como fundamentais, posso elencar a solidariedade, tolerância, respeito, amizade, confiança, saber ouvir e paciência – como “pilastras” cada vez mais ausentes no dia a dia corporativo.
“Falar a mesma língua” no ambiente corporativo é fundamental para sedimentar bons relacionamentos interpessoais e contribuir para o desenvolvimento harmônico das atividades.
A metodologia “Gentileza no Trabalho – A Ferramenta do Século 21”, desenvolvida para servir de caminho inverso das gestões de pessoas comuns ao mercado de hoje, surgiu diante da necessidade de encontrar o modus operandi ideal para as equipes – sejam grandes ou pequenas, empresas de qualquer área e para pessoas que mereçam uma adequação dentro do ambiente laboral.
A gentileza – de acordo com o programa – é um conjunto de predicados que se somam e formam um conjunto de regras de conduta sustentadas por hábitos, costumes e gestos sensíveis ao ser humano.
Numa visão bastante arrojada e, ao mesmo tempo leve, seria correto considerar a gentileza sinônimo da ética. Sendo mais claro, se todos esses valores estiverem juntos e concentrados na realidade cotidiana de uma empresa, podemos dizer que seria um local de trabalho gentil. E para que isso aconteça, existe esse método próprio e inovador, capaz de transformar e trazer soluções surpreendentes para as equipes e empresas de qualquer porte e setor.
As maiores recompensas que poderia obter com esse trabalho chamam-se resultados positivos e um saldo de mudanças que sempre começam com o próprio indivíduo que se espalha pelos corredores e andares. E, para poder comemorar ainda mais essa mudança de comportamentos (de hostis a gentis), as empresas alavancam ainda mais os números e fica muito mais fácil atingir as metas estipuladas. Com sua aplicação em várias empresas brasileiras, somam-se a eles (os resultados) a melhoria nas relações intra/interpessoais, valorização da imagem da corporação por parte dos colaboradores, fidelização/captação de clientes e aumento das vendas.
Quando digo que o “homem do futuro” já somos nós é porque realmente acredito na força que existe dentro de cada um, dentro do principal capital de qualquer empresa e, principalmente, naquilo que energiza essa força: a gentileza.

LUIZ GABRIEL TIAGO – SR. GENTILEZA
  

¹ José Datrino (1917-1996); conhecido como “Profeta Gentileza” ou “José Agradecido”, o mesmo partiu de sua cidade natal – Cafelândia, interior paulista – para exilar-se no Rio de Janeiro, onde viveu por quarenta anos pregando e disseminando a gentileza.

Acreditamos que, com uma dose de paciência, é possível minimizar desgastes e estresse no trabalho. Além disso, nossa sociedade carece disso. Nós merecemos uma vida mais leve e com Gentileza!


quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

"Amigo oculto" ou "inimigo secreto" ? Leia a matéria do Jornal do Comércio do Rio de Janeiro com a participação do Sr. Gentileza.

Sr. Gentileza participou dessa matéria no Jornal do Comércio do Rio de Janeiro, publicada ontem (10 de novembro de 2013).

As empresas podem aproveitar essa "brincadeira" para socializar suas equipes e minimizar possíveis conflitos de relacionamento.

Até nesses casos a Gentileza é recomendada.

Leia na íntegra aqui. Para ampliar a imagem, basta clicar nela.

terça-feira, 12 de novembro de 2013

13 de Novembro - Dia Mundial pelos Atos de Gentileza.


MOVIMENTO MUNDIAL PELA GENTILEZA


O que é o movimento mundial pela gentileza?

A ideia do Movimento Mundial pela gentileza surgiu em 1997 durante o Congresso de Tóquio, no qual o então  Small Kindness Movement of Japan reuniu e apresentou diversos grupos, de diferentes nações, que mantinham em seus países movimentos e ações de gentileza. Após três anos de desenvolvimento dessa ideia, durante o Terceira Conferência do Movimento Mundial pela Gentileza, ela foi concretizada. Assim foi oficialmente lançado o Movimento Mundial pela Gentileza, com a missão de inspirar indivíduos no sentido de serem mais gentis, criar um mundo mais gentil e através disso conectar países e pessoas. O Movimento Mundial pela Gentileza também tem como objetivo o estímulo de todas as nações a criarem seus próprios movimentos pela gentileza.

Fonte: www.abqv.com.br


CONHEÇA O SR. GENTILEZA: www.srgentileza.com.br

Nova Independência (SP) tem Talentos-Gentilezas e dessa vez a Gentileza é feminina!

Cristina Fernandes (Última da foto - Diretora do Sr. Gentileza no Interior Paulista) descobriu pérolas de profissionais na cidade de Nova Independência/SP na última temporada do Sr. Gentileza na região. Essas profissionais superaram todas as expectativas no atendimento ao cliente, presteza, delicadeza - além de serem cozinheiras de "mão cheia". Todas elas trabalham no Restaurante Jacaré - na Villa Santo Antonio - no Centro da cidade.
Conheça os novos "Talentos-Gentilezas" do Interior Paulista (da esquerda para a direita): Valdirene da Silva, Magali Feliz, Vania Santos, Beth Costa e Janeth.

Sr. Gentileza e Cristina Fernandes abraçados com as riquezas no atendimento de Nova Independência/SP.


Cristina Fernandes e os Talentos-Gentilezas de Nova Independência/SP.

Sr. Gentileza e Cristina Fernandes com o Sr. Miro - Gerente do Restaurante Jacaré de Nova Independência/SP.
Sr. Gentileza e sua equipe dão os parabéns a todas as profissionais desse estabelecimento em Nova Independência/SP e desejam que continuem a fazer a diferença na sua cidade e região. Viva a Gentileza!

Conheça melhor nosso trabalho nas empresas de todo o Brasil: www.srgentileza.com.br

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Frase do dia 31 de Outubro de 2013 - Sr. Gentileza.

Quem disse que ser sincero é sinônimo de "falar tudo na cara"? 

Um profissional transparente é capaz de ser verdadeiro com boa educação e na hora certa. 

Lembre-se de que as palavras ditas nunca voltam atrás.

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Sua empresa investe em capital humano?

O investimento em capital humano pode ser considerado ideal quando os profissionais conseguem se identificar como parte integrante de uma empresa. Perguntas como “Qual meu papel aqui?”, “Estou na posição certa?” ou “Quero investir na minha carreira nessa empresa?” quando são facilmente respondidas, indicam uma satisfação profissional alta e que todos os investimentos feitos na qualidade de vida das pessoas e em capacitação estão valendo à pena. Esses fatores são indicativos substanciais de que o trabalho está sendo bem feito e que não devem interrompê-lo.

Muitos programas estimulam o bem estar no trabalho. Por exemplo, a metodologia de Gentileza Corporativa, ferramenta que utilizamos para capacitação e desenvolvimento de projetos em relacionamento interpessoal, nos guia para um caminho certeiro e focado nas relações humanas e felicidade no trabalho.

Não há melhor investimento numa empresa do que em capital humano. As pessoas são detentoras de perícia, conhecimentos e, quando sua experiência é bem aproveitada, pode-se extrair dessa fonte de matéria prima uma base para se projetar o futuro.


Bons profissionais sabem que o reconhecimento é adquirido com bastante comprometimento, estudo e persistência e, além de tudo, muita ética e dignidade. Esses valores são fundamentais para o crescimento íntegro e verdadeiro dentro e fora do local de trabalho.

Abraços do Sr. Gentileza

domingo, 27 de outubro de 2013

A família é o nosso suporte nos momentos mais difíceis e a base para nossa felicidade.


Sr. Gentileza descobriu TALENTOS-GENTILEZA em Brusque/SC no dia 18/10/13. Conheçam esses profissionais que fazem a diferença no atendimento!

Sr. Gentileza (meio) abraçado com os "Talentos-Gentileza" de Brusque/SC.
Da esquerda para a direita: Gilberto (além de Garçon é poeta!), Sr. Gentileza e Márcio.

Todos os colaboradores do Hotel Monthez em Brusque/SC são educados, profissionais e cordiais. Porém, os garçons Gilberto e Marcio surpreenderam pelo belo sorriso, simpatia e dedicação aos hóspedes. Isso é Gentileza!

Da esquerda para a direita: Luis Felipe (Gestor de Alimentos e Bebidas), Sandra Cherubin (Diretora do Sr. Gentileza em SC), Márcio (Talento-Gentileza) e Gilberto (Talento-Gentileza).

Luis Felipe e Sr. Gentileza.

Esses são as "estrelas" do Sr. Gentileza: Márcio e Gilberto.
Parabéns aos gestores do Hotel Monthez de Brusque/SC pela excelente equipe e que sua liderança seja sempre pautada na Gentileza e amor!

Serviço:

Monthez Hotel & Eventos
Rodovia Antonio Heil, KM 29
Brusque/SC
Tel: (047) 3251-3700

sábado, 26 de outubro de 2013

Teleton 2013 - É muito simples ser solidário e isso é Gentileza pura!


Sr. Gentileza eu sua equipe são parceiros da AACD em 2013. 


Faça sua parte doando uma contribuição ao TELETON. Para ajudar e ser solidário é muito simples! 

Basta ligar: 
0500-12345-05 (R$5,00)
0500-12345-10 (R$10,00)
0500-12345-16 (R$16,00)



Para doações acima de R$20,00 ligue para 0800-770-2013.

terça-feira, 15 de outubro de 2013

15 de Outubro - Dia do Professor - PARABÉNS!

Parabéns a todos os professores pelo seu dia! 

Essa é uma homenagem do Sr. Gentileza e toda sua equipe. 

Em nossa empresa os mestres são respeitados e valorizados!

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Sr. Gentileza e TELETON 2013 - uma parceria de muita solidariedade!


TELETON 2013 com muita Gentileza!

Os voluntários da AACD e TELETON estarão com o Sr. Gentileza nessa 5a. feira à noite e 6a. feira pela manhã para conhecerem a força da Gentileza para a solidariedade, tolerância e respeito ao próximo. 

Essa é mais uma campanha apoiada e patrocinada pela Sr. Gentileza - Educação Corporativa (SGEC) no ano de 2013.

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Café com Gentileza em São Paulo/SP - 08 de Outubro de 2013.

Que tal tomar um café regado a um bom bate papo sobre Gentileza no Trabalho? 

A edição de hoje acontecerá em São Paulo/SP para profissionais da saúde que querem compreender a importância da Gentileza para a humanização do atendimento ao cidadão. 

Isso é gentileza pura!

Leve também para sua empresa: assessoria@srgentileza.com.br | fb.com/SgecBrasil

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Luiz Gabriel Tiago - Autor do Livro "Gentileza no Trabalho" causa polêmica por acreditar ser possível amar seus colegas de trabalho.


Sucesso de vendas em todo o Brasil, o livro "Gentileza no Trabalho" está causando polêmica entre alguns leitores. As críticas são cruéis e dizem que ser gentil no ambiente profissional é "surreal" e é "impossível amar a empresa" em que trabalha. 
O autor (Luiz Gabriel Tiago) afirma que a gentileza é um predicado indispensável ao sucesso no trabalho e um caminho que deve ser percorrido. Além disso, cita a importância de "não esperar que os outros tomem a iniciativa", já que a gentileza está dentro de cada um de nós e estamos todos preparados para praticá-la. 
O livro, à venda em todas as livrarias do Brasil - inclusive pela internet - custa R$22,00 e foi publicado pela editora Ideias e Letras em 2013. Vale à pena conferir e entender a aplicabilidade do tema. Para comprá-lo, acesse o link de um dos sites que oferecem o produto:


Luiz Gabriel Tiago também é autor de "Como Driblar a Raiva no Trabalho", Ideias e Letras (2009).

Frase do Dia 07 de Outubro de 2013 - Sr. Gentileza.

Através de atitudes individuais podemos transformar o nosso meio. Isso vale para o trabalho, ambiente familiar e relacionamento com os amigos e estranhos. 

Ser gentil deve ser uma prática constante! 

Não desista e não deixe que o pessimismo dos outros te influencie

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

#FICADICA do Sr. Gentileza para um melhor convívio em condomínios:

"É dever de todos nós tratarmos as pessoas com boa educação, cumprirmos nossos deveres, contribuirmos para o bem estar comum e entendermos que a gentileza começa dentro de casa. Assim ficará mais fácil transformarmos um grupo, a sociedade e o nosso mundo, mesmo que esse seja resumido num condomínio."  
Sr. Gentileza.

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Artigo do Sr. Gentileza: Sustentabilidade nas empresas - responsabilidade de todos nós.

Sr. Gentileza plantando uma muda de árvore em nome
de uma empresa contratante. 
Todas as empresas têm a obrigação de oferecer um ambiente de trabalho saudável a todos os seus colaboradores com infraestrutura de trabalho satisfatória, ambientes físicos limpos, manutenção das dependências sempre em dia e, principalmente, a garantia de bom relacionamento interpessoal entre todos da equipe (nesse caso os líderes devem estar aptos a controlar as relações e possíveis problemas), harmonia entre os setores, boa comunicação e qualidade de vida dentro e fora da empresa.
A maioria das corporações possui missão e valores disponíveis e acessíveis aos seus colaboradores, seja em seu site, em cartazes fixados nos murais ou em cartilhas explicativas. Porém, mais do que disponibilizar essas informações, as empresas (vide Recursos Humanos) devem facilitar o entendimento desses conceitos, pois são eles que mantêm vivos a essência da corporação e o engajamento individual de seus profissionais.
Alguns valores são comuns entre as empresas. Por exemplo, a ética, atitude, comprometimento, engajamento, responsabilidade, entre outros. O que mais me impressiona é que, mesmo indispensáveis, muitas (empresas) ainda ignoram a necessidade da preocupação com a sociedade e a preservação do meio ambiente.
Mas, quem deveria dar o primeiro passo ao “fazer o bem” dentro do ambiente profissional, as lideranças ou os liderados? Na verdade, qualquer um pode iniciar uma campanha que envolva o engajamento com causas ambientais.  Isso é iniciativa e pró-atividade! É importante dizer que a educação ambiental começa dentro de casa quando ensinamos nossos filhos a não jogar lixo pelas ruas, não sujar áreas de preservação ambiental, reaproveitar insumos ou materiais para reciclagem, não desperdiçar água ou energia elétrica, enfim, atos simples e que podem/devem ser migrados quando somos contratados.
Os líderes devem estar aptos a conscientizar suas equipes a colaborar com os programas e projetos adotados na empresa visando a preservação dos recursos naturais. Isso é uma questão de capacitação/informação e bons treinamentos colaboram para esse “despertar” individual que pode se espalhar pelos corredores. É fácil, quando uma pessoa se envolve de corpo e alma, acaba “contaminando” os outros colegas. Portanto, não é tempo de desperdiçar energia nas empresas. Todos são agentes potenciais de transformação!
Os líderes são sujeitos especiais e capazes de conciliar paixão pelo que fazem com a habilidade de transmitir isso a outras pessoas, como seus valores, solidez espiritual e de que também são suscetíveis ao erro. Detém profunda compreensão humana, coerência e, de acordo com Luiz Ernesto Gemignani (Diretor Presidente da Promon por nove anos) – “reconhece as dinâmicas da organização como sistema vivo, e deve atuar para torná-las saudáveis”.
Costumo dizer em palestras e treinamentos que não existe empresa rica em comunidade pobre. Essa afirmação está baseada nos princípios de uma gestão realmente “Gentil” e transformadora. Seria uma idiossincrasia e antagonismo grandes considerar os resultados como satisfatórios se em minha volta existem a pobreza, desigualdade social, desemprego e falta de infraestrutura básica. Nossas empresas têm sim o dever de considerar seu entorno e se responsabilizar por isso. Não ouso em dizer que a empresa “x” é a única responsável por exterminar toda a miséria ao redor, mas exerce papel fundamental sobre isso.
Buscamos transmitir essa mensagem em nossos programas de treinamentos e palestras para as empresas que desejam capacitar e informar seus colaboradores. Uma de nossas ações foi trocar as apostilas impressas por CD´s, já que a quantidade de papel utilizada nos encontros era muito grande. Em 2011, 6.000 pessoas em todo o Brasil participaram do treinamento “Gentileza Estratégica nas Empresas”, recebendo cada um o material didático com 20 páginas de folha sulfite. Em 2012, com a adoção da sustentabilidade, deixamos de “jogar” na natureza mais de 120.000 impressões que seriam, sem dúvida, descartadas logo após o evento (aproximadamente 600 kg – quase 1 tonelada).
A responsabilidade social e comunitária engloba ações simples do dia a dia que todos podem contribuir. Por exemplo, contratar mão de obra local, desenvolver programas de interação empresa X comunidade, investir em organizações locais filantrópicas ou do terceiro setor ou, simplesmente – acreditar na solidariedade.
Os pilares de uma empresa gentil são – responsabilidade social, preocupação com o meio ambiente natural, qualidade de vida dos colaboradores e gestão estratégica. Ou seja, abraçar todos os valores que uma corporação busca para atingir a sua saúde financeira e social. Preocupar-se com o capital humano interno e externo é garantia de sucesso; sucesso duradouro e não passageiro, como a vida.


Sr. Gentileza

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Sr. Gentileza & Outubro Rosa - Niterói/RJ.


Sr. Gentileza participou da abertura da campanha em Niterói/RJ no dia 28 de setembro de 2013. A empresa Sr. Gentileza Educação Corporativa é uma das patrocinadoras do programa na cidade fluminense.

Sr. Gentileza com grupo de voluntárias (dançarinas) na abertura da campanha em Niterói/RJ.

Sr. Gentileza e Silvia Kalil - organizadora da campanha na cidade de Niterói/RJ.
O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. 
Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama.