sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

FELIZ 2012!


O BLOG DO SR. GENTILEZA ESTARÁ DE FÉRIAS ATÉ O DIA 04 DE JANEIRO DE 2012.

Abriremos o ANO NOVO com uma bela entrevista da Psicóloga Regina Tassinari. Não percam!

Até lá!

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Frase do Sr. Gentileza - 20 de Dezembro de 2011.

A Gentileza pode transformar uma vida, uma relação, um relacionamento profissional:
basta praticar.

Sr. Gentileza

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Qual é a MISSÃO da sua empresa?

Você deve se perguntar se vale a pena todo o empenho em alinhar ou passar para o papel dados e predicados tão importantes para a sua vida, mesmo porque, esses conceitos são tão novos que ainda causam uma certa estranheza, já que não estávamos preparados para isso.
Agora que já deve ter refletido sobre sua missão pessoal ou seu propósito de existir, deve definir os pilares que sustentarão e darão condições em prosseguir.
Essas “pilastras” são importantes pois representam nossos valores ou os grandes motivos empíricos de nossa existência. Sem eles não podemos ilustrar nossa vida e não teríamos como atingir o auge de nossa plenitude material e espiritual.
Quais são seus grandes valores? Quais são os predicados ou virtudes que sustentam sua vida e acabam por ditar suas regras de conduta ética e comportamental? Você é capaz de listar pelo menos cinco deles?
Mais uma vez nos vemos diante de um dilema: conheço meus problemas, mas nunca parei pra pensar em relação a valores; meus pais e professores nunca me disseram que eu deveria me preocupar com isso e lá na empresa os valores que devemos honrar são os deles, aqueles que aprendemos quando somos contratados ou quando nos obrigam a decorar em treinamentos motivacionais.
Esse é um momento importante em nossas vidas, pois o mundo exige cada vez mais disciplina, solidariedade, respeito ao próximo e empreendedorismo. Você se encaixa em algum desses perfis?
Pois bem, esses podem ser alguns dos seus valores pessoais e nem tinha notado isso por causa de tantas coisas que precisam ser resolvidas durante o dia, problemas pessoais, rotina incansável nas empresas e por aí vai.
Algumas pessoas são caridosas, simpáticas e carismáticas. Vivem em função de servir ao outro e promover a felicidade daqueles que estão a sua volta. Logicamente, a servidão e empatia são valores inseparáveis delas, pois são esses que sustentam sua missão e fazem com que se guiem através de conceitos alinhados e sólidos.
Vamos colocar mãos à obra e descobrir quais são nossos grandes motivadores a continuar na busca pela felicidade e não desistir jamais. Não podemos desonrar nossos princípios e corromper o que temos de melhor.
Os meus valores pessoais são inspirados pelo meu trabalho e pela necessidade de alinhar minha vida pessoal com a profissional. Não considero correto separar dois “universos” simplesmente porque não posso misturá-los, ou seja, meu comportamento durante o trabalho não pode ser o mesmo que em casa.
Se tenho sorte no jogo, terei azar no amor e vice-versa. Que estranho isso, pois como ir para o trabalho sabendo que um problema em casa lhe perturba ou como ficar tranqüilo em casa sabendo que existe uma grande crise na empresa ou seu “chefe” te fez passar por uma humilhação pública?
Isso significa que meus valores no trabalho são diferentes dos meus valores com a família, por exemplo. Se o bom humor é um deles, então devo escolher onde ficarei bem humorado? Não faz sentido algum esse tipo de comportamento, já que buscamos a unificação do espírito com a matéria, do ser com a alma.
Meus valores pessoais são a Disciplina, Bom Humor, Caridade, Trabalho, Humildade, Empatia e “Ser para Ter", não existindo uma ordem de importância que diga qual é o mais valoroso ou mais presente.
Eles me sustentam em busca da felicidade e da realização pessoal, servindo ao mundo em que vivo e para todos a minha volta. Norteiam minha conduta e ditam as regras comportamentais me favorecendo e apoiando nos momentos de insegurança e decepções. Além disso, reforçam minha paz e realização quando conquisto algo ou quando sou capaz de resolver algum problema.
Também, um completa o outro de forma que eu viva de forma harmônica e equilibrada, podendo me dedicar ao trabalho da mesma forma que me dedico à família e amigos. Não existe diferença entre o pai, marido, escritor e palestrante – somos todos um só – e esse é um propósito inquestionável, pois pretendo que minhas filhas cresçam em unicidade com o universo, se respeitando e espalhando a gentileza por onde passarem.
Muitas empresas ainda não perceberam a importância de fazer valer esses valores. A maioria desconhece os valores pessoais de seus colaboradores e não enxergam que sozinhas não chegarão a lugar algum.
Num programa de treinamentos que apliquei numa empresa, descobrimos que um dos valores de um participante era a família e que trabalhava para ajudar no sustento dos pais no nordeste do Brasil. Ou seja, parte do que ganhava enviava para que eles pudessem melhorar a condição de vida. Também disse que um dos seus sonhos era voltar para sua terra natal e conviver com os familiares.
Um dos diretores dessa mesma empresa ficou sabendo e intercedeu de uma forma espetacular. Alguns meses depois esse colaborador foi recolocado no mercado de trabalho, na sua cidade de origem, com o apoio da empresa.
Logicamente que corporações desse tipo são raridades ainda no mundo pois ainda preservam e cultuam valores engessados e que visam somente o bem estar dos resultados.
Mas acredito, sinceramente, que esse cenário frio e capitalista esteja mudando. Estamos nos espiritualizando e buscando um ambiente profissional humanizado, saudável e feliz. Faça a sua parte: liste seus valores pessoais e ajude o próximo a honrar suas virtudes e qualidades.

Lembre-se de levá-los para todos os lugares que for!

 
Sr.Gentileza
twitter.com/senhorgentileza

Workshops e Palestras com Sr Gentileza (Luiz Gabriel Tiago) IN COMPANY -...

Clientes e Parceiros da Gentileza em 2011!