domingo, 6 de junho de 2010

LEVANDO...com leveza

Para quem pensou que o domingo estava acabando na mesmice, se enganou. Vosso autor resolveu escrever e buscar inspiração na melodia incansável dos poetas. Uma das formas que busco para entronizar e me sintonizar com o Super ID ou ID é através da música. Mas não a encontro em qualquer cantiga, muito menos nas que não transmitem nenhum tipo de sentimento. Os poetas e compositores são amantes natos da vida e muitas vezes não somos capazes de perceber isso.

Achei a leveza necessária então para registrar minhas intenções nesse dia. Encontrei nesse domingo ("de nada") uma relíquia que me fez refletir sobre nosso cotidiano. Pessoal, depois do domingo sempre vem a ingrata segunda-feira. Aliás, ingrata coisa nenhuma. É normal nos sentirmos deprimidos porque sempre temos que trabalhar no dia seguinte e a folga está terminando. Na verdade, devíamos comemorar porque temos trabalho e ocupação para nossas vidas. Temos um emprego e nos dedicamos a alguma atividade, seja formal ou não. Coisa bacana isso e tão bom saber que colaboramos para o desenvolvimento dos negócios, que elaboramos e executamos projetos, que proporcionamos a nossas empresas e equipes a solidariedade humana e fazemos parte de um todo.
A gente vai levando assim a vida. Levando bem como compôs Chico e Caetano na letra abaixo. Façamos de nossa semana uma bela oportunidade de criar e inovar. Nos orgulhemos de fazermos parte desse meio tão mágico que são as corporações, apesar de algumas vezes ser muito chato e entediante o que fazemos. Nem sempre estamos plenamente motivados e isso não nenhum absurdo. Temos que buscar a realização e satisfação constantemente para não deixarmos de lado nossos deveres.
Os altos executivos acabam fazendo opções importantes na vida em prol do profissional e vivem abdicando do lazer e ócio a favor das tantas reuniões e importantes negociações. Sua vida particular acaba se dissolvendo e não percebemos que muitas coisas acabam escorrendo pelas mãos, inclusive a beleza do domingo.


LUIZ GABRIEL TIAGO






Vai Levando
Chico Buarque / Caetano Veloso
Mesmo com toda a fama,
Com toda a Brahma


Com toda a cama,



Com toda a lama,



Com toda gama



A gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando



A gente vai levando essa chama



Mesmo com todo o emblema,



Todo o problema



Todo o sistema,



Todo Ipanema



A gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando



A gente vai levando essa gema



Mesmo com o nada feito,



Com a sala escura



Com um nó no peito,



Com a cara dura



Não tem mais jeito,



A gente não tem cura



Mesmo com o todavia,



Com todo dia



Com todo ia,



Todo não ia



A gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando



A gente vai levando essa guia



Mesmo com todo rock,



Com todo pop



Com todo estoque,



Com todo Ibope



A gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando



A gente vai levando esse toque



Mesmo com toda sanha,



Toda façanha



Toda picanha,



Toda campanha



A gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando



A gente vai levando essa manha



Mesmo com toda estima,



Com toda esgrima



Com todo clima,



Com tudo em cima



A gente vai levando, a gente vai levando, a gente vai levando



A gente vai levando essa rima



Mesmo com toda cédula,



Com toda célula



Com toda súmula,



Com toda sílaba



A gente vai levando, a gente vai tocando, a gente vai tomando,



A gente vai dourando essa pílula!






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo (a) ao Blog do Sr. Gentileza - 06 anos no ar!

Aqui também é casa de gente gentil. Leia, acompanhe, participe e deixe suas mensagens :-)

Sinta-se à vontade em compartilhar a prática da Gentileza na sua vida, no trabalho e na sociedade.

Abraços,

Sr. Gentileza

Obs: Suas mensagens são muito bem vindas, mas identifique-se. Os comentários anônimos não serão aceitos.